terça-feira, 27 de março de 2012



FOI LEVADO PARA A CIDADE DE ITAPECURU PARA SER ENTERRADO O CORPO DO BOMBEIRO MILITAR, CABO GILSON CARLOS EVANGELISTA SANCHES, DE 35 ANOS DE IDADE.// ELE FOI MORTO NA PORTA DE SUA CASA, COM DOIS TIROS, POR TRÊS HOMENS EM UM VEÍCULO CORSA CLASSIC, DE COR PRETA, COM QUEM TEVE UM DISCUSSÃO DE TRÂNSITO MINUTOS ANTES.// NA OCASIÃO, A VÍTIMA, QUE ESTAVA NA COMPANHIA DE FAMILIARES, DIRIGIA UM CAMINHÃO BAÚ QUE BATEU E QUEBROU O RETROVISOR DO CARRO ONDE ESTAVAM OS ACUSADOS.// O CONDUTOR DO CLASSIC TERIA TRANCADO O CAMINHÃO BAU, EM UM SEMÁFORO NA AVENIDA GUAJAJARAS, DANDO INÍCIO A UMA DISCUSSÃO ENTRE ELES.// AGENTES DA GUARDA MUNICIPAL TERIAM ACALMADO OS ÂNIMOS, LIBERADOS OS ENVOLVIDOS APÓS ELES TEREM ENTRADO EM ENTENDIMENTO.// ENTRETANTO, O BOMBEIRO FOI SEGUIDO PELOS ACUSADOS ATÉ SUA RESIDÊNCIA, ONDE FORAM EFETUADO OS DISPAROS.//

Um comentário:

  1. a cidade parou mas ele foi par o pai que estar no ceú..saudades eternas...

    ResponderExcluir